Para que possa concretizar as suas encomendas, fornecemos material otimizado, muito acima do padronizado:

  • Espessuras até 250 mm
  • Larguras excedentes: 3500 e 4000 mm
  • Comprimentos até 16 000 mm
  • Pesos unitários até 30 t
  • Certificados de ensaio 3.2 DNV GL e 3.2 LR
  • Tolerância de espessura conforme norma DIN EN 10029 Classe C
  • Chapas conforme NORSOK MDS-120 Y20, Y30 e Y40
  • Com as opções 12, 13, 18 a 250 mm de conforme norma DIN EN 10225
Aços offshore
QualidadeN.º de materialespessura (mm)larguras (mm)comprimentos (mm)Certificados de ensaio
DIN EN 10204
S355G8+M1.88106 – 1001.000 – 3.500até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S355G10+N1.881315 – 2501.000 – 3.050até 12.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S355G10+M1.88136 – 1001.000 – 3.500até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S355NLO15 – 2501.000 – 3.500até 12.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S355MLO6 – 1001.000 – 3.500até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
Norsok MDS-120 Y206 – 2501.000 – 3.500até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S420G2+M1.88578 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S420MLO8 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
Norsok MDS-120 Y308 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S460G2+M1.88878 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
S460MLO8 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
Norsok MDS-120 Y408 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.2 DNV GL, 3.2 LR
API 2H-504 – 1001.000 – 4.000até 16.0003.1
API 2W-506 – 1001.000 – 3.500até 16.0003.1

Aços offshore

A exploração petrolífera e de gás natural em plataformas offshore é feita em todo o mundo sob condições extremas. As plataformas situam-se em regiões de difícil acesso, pelo que a exploração requer um elevado nível de equipamento técnico. As reservas localizam-se no fundo do mar, existem grandes oscilações de temperatura entre o verão e o inverno, ventos fortes são também frequentes. Os aços de utilização offshore têm de estar à altura dos desafios.

Continuam a ser utilizados aços para aplicação offshore na construção das fundações das turbinas eólicas.

Os aços utilizados devem ser adequados para temperaturas muito baixas, devendo distinguir-se por valores de tenacidade elevados e uma excelente soldabilidade.

A UnionStahl fornece aços para aplicações offshore de acordo com as normas EN 10225, NORSOK e API , normalizados e com laminado termomecânico.

As chapas com laminado termomecânico caracterizam-se pela sua tenacidade e soldabilidade.

As chapas para aplicação offshore fornecidas pela UnionStahl satisfazem, entre outros, os requisitos adicionais 12, 13 e 18 da norma EN 10225. A opção 12 exige a execução de uma verificação de alterações por estiramento em chapas com uma espessura superior a 12,5 mm. A opção 13 descreve a realização de um ensaio de tração no sentido da espessura, de acordo com a norma EN 10164, classe Z35. A opção 18 acelera a aptidão para a soldadura dos aços.

As chapas grossas têm certificados de ensaio conformes a norma DIN EN 10204 3.2 DNV GL e 3.2 LR.

Aço. Comércio. Desenvolvimento

Para além das chapas, disponibilizamos chapas com rebordo das categorias Grau A, D36, E36 e S355NL. A UnionStahl e a sua vasta seleção de chapas grossas e aços para utilização offshore é um parceiro de confiança que permite satisfazer a curto prazo as suas necessidades.

Com peças já cortadas, com tolerâncias muito reduzidas, como é o caso dos «Racks» ou das cremalheiras para as sapatas de plataformas de perfuração auto-elevadoras.